conheca-os-principais-tipos-de-vulva-e-se

Cirurgia plástica no inverno? Veja dicas para esta época

20/06/18 - A Cidade On


Durante o frio, especialmente em julho, o número de procedimentos cirúrgicos estéticos aumenta consideravelmente. Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), as cirurgias aumentam cerca de 60% neste período do ano. O cirurgião plásitoc Luís Felipe Maatz, especialista em Cirurgia Geral e Cirurgia Plástica pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP dá dicas para o procedimento.

- Cinta modeladora: O uso da cinta elástica após a cirurgia é fundamental. Ela age comprimindo a região operada, diminuindo o inchaço e proporcionando uma recuperação mais rápida. Obviamente que no frio, o uso da cinta é mais agradável do que no calor, já que as pessoas transpiram menos, tornando seu uso menos incômodo. Além disso, as roupas que usamos neste período escondem melhor a cinta, deixando você mais confortável.

- Inchaço: O calor aumenta o inchaço na região operada, especialmente para quem tem propensão à retenção de líquidos. O frio provoca uma contração dos vasos sanguíneos, proporcionando a redução de inchaços/edemas e de sangramento interno do ferimento.

- Cicatrização: O sol é prejudicial ao processo de cicatrização. Após a cirurgia, é comum o aparecimento de hematomas, e se as regiões submetidas à plástica forem expostas ao sol, estes hematomas podem se tornar manchas permanentes na pele. O ideal, dependendo de cada caso, é não tomar sol por, ao menos, dois meses após a cirurgia. Mais uma razão pela preferência das plásticas nesta época do ano, quando a exposição solar é mais amena.

- Período de férias: Em julho, muitas pessoas tiram férias, o que facilita a programação da cirurgia e a recuperação. Assim como você, amigos e familiares também poderão estar de férias, podendo lhe prestar ajuda em tarefas diárias, já que você precisará de repouso e restrição nos movimentos.

- Repouso: E por falar em repouso, até nisso a baixa temperatura ajuda, pois você pode (e deve) se render à preguiça que o friozinho traz, e repousar com mais conforto debaixo do cobertor, assistindo a um bom filme (sem guloseimas!).

- Em forma para o verão: Uma das razões pelas quais os pacientes optam pela plástica neste período é que, na chegada do verão, você estará recuperado da cirurgia e pronto para aproveitar a nova silhueta! Vale dizer que o tempo de recuperação é diferente para cada paciente. Normalmente, já é possível retomar atividades moderadas a partir da 3ª semana. No entanto, os resultados podem ainda levar alguns meses para se tornarem totalmente evidentes.

Lembrando da importância de optar por um cirurgião que seja membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP). Mesmo sendo estética, o procedimento é uma cirurgia que, como qualquer outra, tem seus riscos. Portanto, busque sempre um profissional médico recomendado e qualificado.




Contato